WhatsApp

 Grupo da Itinerante no WhatsApp

Amigos, este blog está em pausa, se momentânea ou eternamente não sei ainda. Vai depender de aparecer um game que me instigue a fazer novas postagens.

Mas eu e meus amigos continuamos na ativa, conversando muito sobre games e nerdices em nosso grupo no WhatsApp.

Este post é só para convidá-los a se juntar a nós. Para falar dos Finais Fantasys, Zelda, Pokemon, Dragon Quest, Persona ou de qualquer outro game ou tema que queira. Sempre tem alguém que joga, já jogou ou quer jogar. rs

Agora que praticamente todos já terminaram o Final Fantasy XV nós estamos comentando livremente a história, mas se alguém que ainda não finalizou entrar é só pedir que interrompemos os spoilers.

Então, caso queira se juntar a nós, basta clicar na imagem.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

A queda do valor das ações da Square-Enix e a importância de Versus e Agito

Gráfico retirado daqui.

Daniel enviou-me um post da Geek contando que um fã enraivecido após uma sessão noturna particularmente frustrante em FFXIV, na manhã seguinte vendeu seus 1% de ações da Square-Enix, causando uma queda de 3% no preço das ações.

Não tenho a mínima idéia se é verdade ou não, mas fiquei pensando se não haveria uma ligação entre a reação dos fãs e o preço das ações. Fui lá conferir e aí está. Este é o gráfico estatístico da variação do valor das ações da Square-Enix ao longo dos últimos 2 anos.

Ações em queda livre desde o início de 2.008. Os pontos de recuperação, na primeira metade do gráfico, jun/jul de 2.009, correspondem à data de lançamento de Dragon Quest IX (um verdadeiro sucesso) e na segunda metade do gráfico às datas de lançamento de FFXIII, Dez/09 no Japão e Mar/10 no Ocidente. O último morrinho mais alto do quadro corresponde à data de lançamento oficial de FFXIV. Basta observar o que ocorre na sequência: mais queda.

Seria necessário ter todas datas de lançamentos e fatos relativos a games para fazer uma análise decente, mas é claro - ululantemente evidente - que as ações estão em queda livre nos últimos 2 anos.

Basicamente a Square-Enix perdeu metade de seu valor, mesmo com todas as aquisições, fusões, parcerias, etc... O dinheiro que deixou de ganhar com venda de games não é nada perto do que perdeu (e seus sócios) com a queda do valor das açoes.

Temos que levar em consideração a crise mundial neste período e a reconhecida crise na indústria de games japoneses, dois pontos que afetam a todas empresas de games japonesas e não apenas a Square-Enix. Mas, considerando isto de um lado e de outro o fato de que a Square-Enix cresceu como empresa, comprando outras, estabelecendo parcerias e lançando novas franquias, dá um empate técnico diria.

Daniel e eu conversamos muito, por diversas vezes, sobre a importância de Versus ser bem sucedido não apenas para a Square-Enix como para todos os próximos lançamentos. Agora tenho a dimensão do quão importante é.

Não deixo de ficar preocupada ao ver o cenário, mas ao mesmo tempo, sempre senti-me impotente como fã e vendo estes resultados, percebo que nós temos uma voz dentro da Square e muito mais poderosa do que imaginávamos.

Somos nós que determinamos o desenho deste gráfico, para o bem ou para o mal.

Nossa reação aos próximos lançamentos (Agito e Versus) pode recuperar este quadro ou piorar ainda mais.

Ainda que um único jogo bem sucedido dificilmente faria o valor das ações retornar aos valores anteriores à 2.008, melhoraria, sem dúvida e criaria um cenário de otimismo propício à elevações futuras, de forma que a empresa teria incentivos (e investimentos) para continuar criando outros jogos.

Ontem li em algum lugar que um grande jogo não se faz com menos de US$ 5 milhões. Para todas as S/As, este valor não sai da venda de games e sim da confiança de quem investe em suas ações e é por isto que um clima de otimismo é tão importante.

Pensando por este lado dá para entender melhor também a presença constante, praticamente diária, de Nomura, Campos, Kitase e outros poderosos no Twitter de 3rd. Birthday. Por que eles se dão a este trabalho? Para tornarem-se mais próximos. Para estabelecerem um diálogo conosco. Para manterem o clima de otimismo e confiança.

E parece estar dando muito certo. A expectativa é a melhor possível para o jogo, mesmo não sendo nenhum FF.

Agora, para Versus e Agito não tem Twitter. Por que? Talvez o twitter de 3rd. Birthday tenha sido um teste, uma experiência, que em resultando positiva, estenda-se à jogos mais importantes.

Eles não podem arriscar com Versus e Agito.

Sinceramente não gostaria ser Nomura neste momento. É muita pressão!

0 comentários:

Posts relacionados: