WhatsApp

 Grupo da Itinerante no WhatsApp

Amigos, este blog está em pausa, se momentânea ou eternamente não sei ainda. Vai depender de aparecer um game que me instigue a fazer novas postagens.

Mas eu e meus amigos continuamos na ativa, conversando muito sobre games e nerdices em nosso grupo no WhatsApp.

Este post é só para convidá-los a se juntar a nós. Para falar dos Finais Fantasys, Zelda, Pokemon, Dragon Quest, Persona ou de qualquer outro game ou tema que queira. Sempre tem alguém que joga, já jogou ou quer jogar. rs

Agora que praticamente todos já terminaram o Final Fantasy XV nós estamos comentando livremente a história, mas se alguém que ainda não finalizou entrar é só pedir que interrompemos os spoilers.

Então, caso queira se juntar a nós, basta clicar na imagem.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

(FF XV) Pós game: Randolph (Bennu Azul, Malbodoom, Sir Tonberry, Phalaris e Naglfar)

Conforme expliquei em meu post anterior, quando você finaliza a história inicia uma nova série de quests com um ferreiro chamado Randolph, lá em Lestallum. São 5 quests e 5 armas de recompensa.


Quest 1 - Nasce uma lenda - Lv 55


O Bennu Azul, level 55, foi uma decepção. Primeiro de tudo acionei o Libra e vi que ele era fraco contra raio. Acontece que eu tinha uma magia fodástica justamente de raio. Coincidências da vida, porque só tinha esta de reserva. Então joguei 1 magia, ataquei com o Armiger, joguei mais uma magia, usei a técnica Subjugação do Ignis e o passarinho morreu. :(

Ganhei a Duque de Ferro para o Noctis, com ataque de 581!


Gostei. Vamos para a próxima!

Quest 2 - Lenda Horrenda - Lv 65

Marlboro lvl 65 e pragas de marlborinhos

Huuhhh!!! Este é mais ardido. Bem mais. Nada mais, nada menos do que o famigerado Marlboro, com 5 ou 6 marlborinhos e seu bafo podre. Infelizmente nem vi o bichinho direito porque era noite e estava bem escuro. Prompto que me salvou com esta foto linda!

Vi pelo Libra que ele é vulnerável à adagas e gelo. Assim, equipei o Noctis com adagas e fiz uma magia de gelo. Como quero reservar meus itens mais preciosos para as dungeons mais fortes, fiz uma fraquinha. E como conheço a peste, equipei o Noctis com o Laço, que protege contra debilidades e também coloquei proteção contra confusão. Queria a Ribbon, mas preciso de 40 moedas da Oráculo para trocar por uma. :(


O guia recomenda focar nele e esquecer os bandidinhos. Também recomenda fugir quando eles se juntarem todos e antes do bafo.

Comecei o ataque normal, agora com Armiger vazio. Usei a técnica subjugação e fiz o que pude. Eu acho que matei o Marlboro, mas não tenho certeza por que estava escuro e é tudo tão confuso nesta luta com este monte de bichinhos. Enfim, estava nesta de atacar e transladar para recuperar MP ou para fugir quando apareceu a opção de convocar summon e não resisti. Leviatã resolveu tudo em un segundo. Os bichinhos morreram só de olhar para ela. rs


Ganhei a Lança Dragoniana, com ataque 246, mas que protege contra fogo, gelo e eletricidade.


Quest 3 - Lenda envolta em mistério - Lv 75


Sir Tonberry, lvl 75 x 2

Tonberrys. Não apenas um, dois!!! E não pensem que são aqueles bichinhos lentos que conhecemos em outros FFs, que vão se aproximando, um passinho de cada vez. Nada! São ninjas! Rápidos como o cão. Você nem vê e está morto, porque como todos sabem, Tonberry é sinônimo de morte súbita. Eu me equipei com o Artefato Protetor antes da luta. E não adiantou. Morri. Uma, duas, três vezes.

50% de resistência à espadas grandes. Vulneráveis apenas à adagas e luz. Então me equipei com tudo que tinha luz e adagas. Tentei magia de gelo. Nada. Tentei magia de envenenamento. Nada.

O negócio é defender e quando aparecer a bolinha, contra-atacar. Problema é que sou ruim demais para me defender e usar a bolinha. Me defendia mais com translaçoes, mas usar translações aqui não deu certo.

Eu sou péssima com bicho rápido. Fico completamente perdida. Olha, vou dizer: primeira luta que fiquei com receio de não dar conta, assim, de verdade.

Fui dar umas voltas, esfriar a cabeça, sabem? Enchi meu Arminger e voltei. Com espada grande, mesmo eles sendo resistentes a força delas não se compara à das adagas e Jackson disse que matou com elas. Usei magia, Arminger e a técnica Subjugação sempre que estava disponível. Fui defendendo, curando, atacando de vez em nunca e o milagre aconteceu: matei. Matei!!! Uhurruuu!!!


Ganhei o escudo Ziedrich, com ataque 327 e força +50. Ôhôh... Esta luta me deixou bem alegre. :D

...

Irei atualizando este post conforme for fazendo, mas acho que preciso de dar uma melhorada em meus itens e equips antes de encarar os dois próximos: Phalaris com lvl 85 e Naglfar com lvl 120. Sim, isto mesmo, level 120.

...

Atualização de 30/12:
Quest 4 - Lenda amaldiçoada - Lv 85




Antes de dormir, fui lá dar uma olhadinha no bicho. Acabei matando. Ele é lento e tem uma torre para translocação na área. Assim, não tem muito mistério. É atacar, translocar, atacar, translocar, até ele morrer. É vulnerável a espadas grandes, apenas. Usei a Dissecadora que é boa para quebrar partes. Atacar na cabeça dele é mal negócio: ele tem resistência de 50% ali. Fui nas pernas, principalmente.

Ganhei o Sabre da Alma, com ataque 343 mas que diminui o vigor ligeiramente.


Quest 5 - Omega Weapon - Lv 120


E agora a noite foi a vez do Naglfar. O único monstro com level superior à 99 do jogo. 875.000 de HP. Resistente à todas as armas normais, mas vulnerável à todos os elementos.

Eu me preparei bem, porque me falaram que ele é rápido e sou ruim com bicho rápido. Então comi a comida do Veritas Mart que dá + 1000 de HP + 400 de força e + Stamina infinita por 6.800 gil. Equipei eles decentemente e estoquei superpotions e elixires. Além disto levei magia, já que ele é vulnerável aos elementos. Eu não fiz e devia ter feito uso da técnica Fortalecimento do Ignis, para encantar minha arma. Eu não usei e devia ter usado o Arminger. No calor da luta esqueci.



A luta em si foi rápida. Eu usei a Espada do Pai, uma das armas reais, já que ele é resistente à todas as demais. Jogava magia, atacava com translocação ofensiva e ficava alternando entre estas duas. Deixei os meninos morrerem para economizar itens. Não tinha ponto de translocação suspensa e não podia recarregar o MP, então foi na base de elixir mesmo.

O que acontece é que se você ficar perto dele usando a translocação ofensiva (R1+triângulo) vai escapar da maior parte de seus ataques e ao mesmo tempo, continuará tirando HP todo o tempo.

E foi isto daí. Morreu. Fácil.

Ganhei a Adaga Zwill, com ataque 345 e tem seu máximo quando o portador possui vida intacta.

...

E acabou-se Randolph. Foi divertido e uma boa entrada no pós-game!

0 comentários:

Posts relacionados: