Pular para o conteúdo principal

Dragon Quest XI: preparando para voltar a jogar e o mimimi da não legenda em português


É, eu sei... Longo tempo sem postar, sem jogar, blog às moscas... Mas tudo pode mudar em 18 dias! Dragon Quest XI será lançado e pretendo jogar. Mas, antes de falar sobre isto, quero falar sobre o mimimi da não legenda em português, porque realmente não quero nunca mais voltar a este assunto.

Então... DQXI não terá legenda em português. ele terá legendas em inglês, francês, italiano, alemão e espanhol. E eu tenho zero paciência para este mimimi de preguiçosos que deixam de jogar um excelente jogo porque não tem legenda em português e os infindáveis choramingos: "tem em italiano e alemão e não em Português?!?!", "Não jogo por princípio, para mostrar a eles que somos importantes.", e daí para frente. O que posso dizer a respeito é:

1 - Tem legenda em espanhol, que é muito fácil de ser compreendido por nós, brasileiros.
2 - Moro nos EUA. Quando cheguei aqui, tudo que sabia de inglês era graças ao que aprendi traduzindo jRPGs como Final Fantasy, Dragon Quest e outros. E isto me ajudou muito!!!

Assim, você tem duas opções:

1 - Vai fundo na indignação, cara. Não jogue! E nem precisa continuar a ler meu post.
2 - Abrace esta oportunidade, deixe se envolver por um jogo fantástico como oportunidade para aprimorar (ou começar a aprender) o inglês. Exceto se você for realmente muito rico e não precisar trabalhar, o inglês é um diferencial importante no mercado de trabalho e todos sabemos que emprego no Brasil está cada dia mais concorrido.

Qualquer que seja sua opção, NÃO ME ESCREVA CHORAMINGANDO OU BLASFEMANDO porque DQXI não é legendado em Português!!! O jogo nem foi lançado ainda, mas minha paciência já é zero para este tipo de mimimi. Feche a janela e nos vemos algum dia no próximo jRPG legendado em português (o que deve demorar um bocadinho!).

...

Ah, você continua aqui? Que bom!!! :DDD

 ...

Quem ama rpgs japoneses certamente já, ao menos, ouviu falar de Dragon Quest. Se você nunca jogou, não se preocupe: poucos jogaram. Esta série é muito famosa, principalmente no Japão, mas no Ocidente, tivemos poucas oportunidades de jogá-la.

O título mais conhecido da série, Dragon Quest VIII foi lançado no Ocidente em 2.005, 13 anos atrás, para PS2, de forma que só os mais antigos ou aqueles saudosistas, que curtem um retrô, conhecem. O Dragon Quest IX foi um título de 2.010 para portátil e poucos jogaram. E Dragon Quest X é um MMO japonês, ainda não lançado para o Ocidente.

Eu joguei o VIII e o IX.

Descobri os jRPGs com o Pokemon no Gameboy e apaixonei. Logo migrei para o Playstation e me acabei em Final Fantasy e toda aquela fartura da época. Ps2 estravado então, jogava tudo que encontrava. Mas uma hora acabou. Sobrou só Dragon Quest VIII. Olhei a capa com severa desconfiança, mas sabe como é viciado em jogos, né? Só tinha aquilo, aquilo seria. lol

Comecei a jogar, resignada ao que entendi ser um jRPG dedicado à crianças. Aquele visual cartunesto, ao estilo Dragon Ball realmente não me inspirava a menor confiança, mas servia para passar o tempo e satisfazer meu vício.

Fui jogando e me surpreendendo. A história era mais madura e profunda do imaginara. E o mapinha inicial foi crescendo. E fui ganhando meios de locomoção: cavalos, barquinhos, barcões e por fim uma aeronave!

Eu estupefada, não vendo fim naquilo e me maravilhando. Lembro de uma ilha cheia de gigantes de ouro, que me deram toneladas de xp e gold. Aquilo me deixou extasiada. O jogo todo me surpreendeu de uma forma que eu jamais esperaria. Crescia, crescia, crescia. Eu não via fim naquilo. Tinham receitas para coletar, ingredientes, armas especiais, tanta coisa!!!

Apaixonei de uma forma!!! Foi com tristeza que zerei. Sabem aquela bad que bate quando terminamos um jogo longo? Fiquei assim... Fora do ar, sentindo falta dos personagens e do jogo, por vários dias... :(

Quando lançaram DQ IX para DS joguei. Entristecida, porque DQ não é para jogar em portátil, mas joguei. É, foi legal até. Mas, sabem como é, não é a mesma coisa de um jogo para console. :(

E agora...

Agora estou tão entusiasmada e ansiosa!!! Mal posso esperar!!!

Eu sei que nem todos vão gostar. A arte é do Akira Toryiama, o mesmo de Dragon Ball. Parecem meio infantis.

Mas se você ousar jogar, tenho certeza de que vai se surpreender positivamente, como eu me surpreendi.

Dragon Quest XI foi lançado no Japão ano passado. Vendeu 2 milhões de cópias nos primeiros dois dias! Filas quilométricas aconteceram nas lojas de games durante a madrugada que antecedeu o lançamento e foi considerado o melhor jRPG do ano lá no Japão!

Não farei nenhum guia. O último, para o FF XII foi realmente trabalhoso e me tirou o prazer de jogar. Apenas postarei minhas impressões enquanto jogo e alguns links de apoio.

Espero que gostem tanto quanto certamente gostarei.

:DDDD


E, se quiser papear sobre isto ou qualquer outra coisa relacionada à games, entra aí no nosso grupo do WhatApps:


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

(FF XII) TÁ TUDO AQUI! (detonados, história, summons, mapas, dicas, gil, rare itens, farms) Só clicar.

           Responsável: Neiva  - Posts:  Neiva , André  - Colaboração:  Emanuel Traduções: Bruno , Jackson ,  Mário , Thiago , Bruno B. LEIA ISTO PRIMEIRO  SOBRE FFXII Itens perdíveis e dungeons não retornáveis História completa em português   O filme completo em inglês TRADUÇÃO EM PORTUGUÊS BR O mundo de Ivalice Raças MONTANDO A EQUIPE Personagens Como combinar classes Simulador de combos de classes SISTEMA DE COMBATE Equipe Killer Neiva   Sobre o sistema de combate e Gambits Equipe Killer André Todos os Gambits Todas as magias e técnicas MEU JOGO (NEIVA) Buffs e Debuffs Primeiras impressões Atributos Introdução Zodiac System e seu sistema de classes A Cidade Real de Rabanastre Drops raros com chains e monographs O Portão Leste Downtown EQUIPÁVEIS O Palácio R

(FF XII) Hunts (caçadas)

Por André Anastácio  A sidequest mais conhecida de Final fantasy XII com certeza é a caça aos 45 marks do jogo. Marks são monstros poderosos, que precisam ser eliminados para, de alguma forma, alguma pessoa ser beneficiada com isso.  Agora é hora demostrar como detonar essas missões paralelas. Verificando o quadro que fica nos bares das cidades (Rabanastre, Bhujerba, Baifonheim), você pode aceitar pedidos para caçar Marks. Eles vão aparecendo conforme seu Rank de caçador subir, e ele sobe conforme você mata mais Marks e inimigos. Aceitando um pedido, você deve ir falar com o cliente antes de sair para matar o monstro. Quando falar com a pessoa em questão, a mensagem "The Hunt Begins" aparece na tela, e aí é só ir caçar o bicho. E lembre-se de retornar ao cliente quando acabar a missão para pegar sua recompensa. P.S.: É altamente recomendável sempre dar steal (para roubar itens) nos monstros de caçadas pois alguns deles oferecem itens EXCELENTES e que você p

(FF XII) Todos os 80 Rares Monters, com localização, condição para aparecer e mapas

Lista compilada por   Sephirosuy Tradução de Thiago Felix Rare Monster Nº 01/80 Nome: Aspidochelon (293) HP: 63540 EXP: 1846 LP: 11 Fraqueza : Wind Dropa: Engage Solid/Adamantine Trophy Steal: Scarletite Original: Adamantitan Rare Rank: ***** Localização: Cerobi Steppe/ Feddik River Aparecimento: Na área que se divide em três. Há 40% de chance de substituir um dos Adamantitan. Rare Monster Nº 02/80 Nome: Thalassinon (295) HP: 60100 EX: 1775 LP: 10 Fraqueza: Wind Dropa: Engage Shell/Shelled Trophy Steal: Adamantite Original: Emeralditan Rare Rank: **** Localização: Phon Coast/ The Vaddu Strand Aparecimento: Está mais a sudoeste, espere um pouco na colina, ele aparecerá no fundo. Rare Monster Nº 03/80 Nome: Greeden (297) HP: 7281 EXP: 410 LP: 3 Fraqueza: Earth Dropa: Braid Wool, Blood Wool Steal: Wind Magicite, Wind Crystal Poach: Blood Wool Original: Wooly Gator Rare Rank: *** Localização: Dalmasca Estersand/ Bank of the Nebra Aparecimen

(FF XII) Lista de todas as armas, status e localização

Por André Anastácio Lista completa das armas com seus status e localização Charge Time se refere a velocidade da arma. Armas que são obtidas através do Bazaar estão apenas com o nome com que elas aparecerão lá. Um guia detalhando os passos para montá-las será feito em breve. Obs 1 - Dados tirados da Wikia do jogo, alguns estão sujeitos a alteração pois podem não estar corretos. Obs 2 - A maior parte das armas que estão em baús não possuem 100% de chance de aparecer. One-Handed Swords Oferecem um bom balanço entre velocidade, consistência e poder. Assim como todas as armas de uma mão (One-Handed), permitem o uso de escudo. Dano é calculado baseado na Strength (força) do personagem, ataque da arma e defesa do alvo. Todas elas, exceto a Stoneblade, adicionam +5 de evasão. Jobs que podem utilizá-las - Knights (todas elas), Time Battlemage (apenas algumas, precisa de Esper) e Bushi (apenas a Bloodsword, precisa de Esper). Fórmula de dano Mithril Sword Attack - 14

(FF XII) Espers (summons) e suas localizações

Por André Anastácio É importante lembrar como funcionam os Espers de Final Fantasy XII. Para obter um Esper, primeiro é preciso vencê-lo em combate (alguns serão encontrados ao longo da história e outros são opcionais) e após isso, associá-lo a algum personagem através do quadro de licenças. Quando for derrotado, o Esper irá aparecer disponível no quadro de licença de todos os personagens, mas apenas um poderá tê-lo. Sendo assim, é importante decidir qual Esper irá para cada personagem especialmente pelo motivo de os Espers poderem estar bloqueando espaços específicos do quadro de licença em alguns Jobs. Diferentemente da versão original, na Zodiac System os Espers utilizam a barra de Quickening (que ficam abaixo no nome dos personagens) ao invés de MP para serem invocados. Outra adição é o fato deles poderem ser diretamente controlados. Por poderem ser controlados, é possível utilizar seus ataques especiais sem precisar cumprir as (complexas) condições necessárias anteriormente.